PROSPECÇÃO GEOFÍSICA ENTRE AS OCORRÊNCIAS CUPRÍFERAS CAPÃO GRANDE E VICTOR TEIXEIRA, CAÇAPAVA DO SUL – RS

Henrique Garcia PEREIRA, Walter MALAGUTTI FILHO, Maximilian FRIES, César Augusto MOREIRA

Resumo


Esse trabalho consiste na aquisição de dados de magnetometria terrestre numa área compreendida por duas ocorrências cupríferas denominadas Capão Grande e Victor Teixeira, localizadas no interior do município de Caçapava do Sul-RS. Os dados resultantes da aplicação desse método geofísico foram adquiridos com o propósito de caracterizar a subsuperfície para verificar uma potencial relação de conexão entre as mineralizações dessas ocorrências de cobre. Capão Grande tem como encaixante as rochas sedimentares da Bacia do Camaquã. Victor Teixeira está inserida em rochas metamórficas do Escudo Sul-Rio-Grandense. Na caracterização de subsuperfície foram empregados levantamentos de medidas de intensidade do campo magnético total ao longo de perfis e sob a forma de malha no intervalo entre as ocorrências mineralizadas. Essas medidas foram processadas em conjunto, e os produtos resultantes foram os mapas do Campo Magnético Total, Passa Banda Profundo, Passa Banda Raso e Amplitude do Sinal Analítico. Análises e discussões posteriores desses mapas com a sobreposição das principais informações geológicas da área e de resultados geofísicos de interesse de estudos anteriores permitiram a definição de que as mineralizações das ocorrências estudadas não apresentam conexão em subsuperfície.

Palavras-chave


Magnetometria; Caracterização; Subsuperfície; Conexão.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank