MAPEAMENTO DE VULNERABILIDADE DOS AQUÍFEROS DUNAS, BARREIRAS E FISSURAL NA PORÇÃO NORTE DO COMPLEXO INDUSTRIAL E PORTUÁRIO DO PECÉM, ESTADO DO CEARÁ

Pâmella MOURA, Antonio José Beltrão SABADIA, Itabaraci Nazareno CAVALCANTE

Resumo


O presente trabalho apresenta a avaliação da vulnerabilidade natural dos aquíferos Dunas, Barreiras e Fissural na porção norte do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), estado do Ceará (Brasil), por meio dos métodos DRASTIC e GOD. Teve por objetivo gerar subsídios para o planejamento ambiental, com vistas à gestão das águas subterrâneas locais. Os referidos métodos trabalham com um número de parâmetros distintos, sendo o DRASTIC mais robusto, restritivo e preciso. O método DRASTIC apresentou cinco classes de vulnerabilidade, caracterizando a maior parte da área como de vulnerabilidade alta (25%) ou muito alta (24,7%). O método GOD apresentou duas classes de vulnerabilidade: vulnerabilidade moderada (59%) e vulnerabilidade alta (41%). Em ambos os métodos o aquífero Dunas representa o meio mais vulnerável, onde justamente estão alocadas uma siderúrgica e áreas de ampliação urbana. Em vista disto, ações para a prevenção de possíveis contaminações devem ser implementadas. O meio fissural e o aquífero Barreiras, apesar de menos vulneráveis, devem igualmente merecer atenção e monitoramento. O trabalho apresenta-se como ferramenta aos setores públicos e privados para a gestão mais eficaz das águas subterrâneas locais.

Palavras-chave


Águas subterrâneas; Hidrogeologia; Pecém; Planejamento ambiental.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank