Estudo de depósitos da formação barreiras com base em reflexão por ondas de radar

Paula de Freitas Santos, Claudio Limeira Mello, Rute Maria Oliveira de Morais, Carolina da Silva Ribeiro

Resumo


Este trabalho trata de um estudo em subsuperfície de depósitos da Formação Barreiras em localidades selecionadas no norte do Estado do Rio de Janeiro e no sul do Estado do Espírito Santo, integrando seções de reflexão por ondas de radar (GPR - radar de penetração subterrânea ou georradar) a perfis litológicos de furos de sondagens. Três seções de GPR foram investigadas pelo modo de afastamento comum, utilizando-se o sistema GPR pulseEkko IV, com antenas de 50 MHz. Com base na interpretação das linhas geofísicas, enfatizando a identificação das principais fácies e unidades de radar, foram selecionados pontos para furos de sondagens, com trado mecânico. Os depósitos da Formação Barreiras aqui estudados correspondem a sucessões arenosas granodecrescentes, mosqueadas e com estratificações cruzadas, que estão relacionadas, na investigação geofísica, a um padrão de refletores ondulados, mais ou menos contínuos, de aspecto entrecruzado, com geometria côncava para cima (fácies de radar II), intercaladas a camadas tabulares de lamitos argilosos, às vezes bioturbados, associadas a um padrão de refletores contínuos e paralelos (fácies de radar I). Os sedimentos da Formação Barreiras foram interpretados como depósitos de canais fluviais, com pouca participação de sedimentos de suspensão ou por fluxos gravitacionais, corroborando interpretações anteriores para depósitos aflorantes nestas regiões.

Palavras-chave


Formação Barreiras;fácies de radar;Sudeste do Brasil

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5327/S1519-874X2006000300005

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank