ANÁLISE MULTITEMPORAL DA COBERTURA VEGETAL DE SÃO GABRIEL DO OESTE, MS

ANA PAULA GARCIA OLIVEIRA, CAMILA LEONARDO MIOTO, FABRÍCIO BAU DALMAS, EDILCE DO AMARAL ALBREZ, ALEX MELOTTO, EDNA M. FACINCANI, ROBERTO MACEDO GAMARRA, ANTONIO CONCEIÇÃO PARANHOS FILHO

Resumo


A constante modificação do meio ambiente pelo homem tem se imposto como uma barreira à preservação dos recursos naturais. Neste contexto, estudos da dinâmica de paisagem podem permitir a compreensão das modificações ocorridas em uma região e subsidiar a criação de medidas de recuperação ambiental. Esse trabalho teve como objetivo realizar a análise multitemporal da cobertura vegetal do Município de São Gabriel do Oeste, Mato Grosso do Sul, região que abriga diversas nascentes de importantes rios do bioma Pantanal. Utilizando-se a classificação automática de imagens LANDSAT TM foi identificada a cobertura do solo de 1985 e de 2011, um intervalo de mais de 20 anos, com a realização de testes de acurácia e controle de campo, além do apoio de imagens ALOS (AVNIR-2) na atualização dos dados de uso e cobertura do solo de 2011. As classes espectrais de cobertura do solo e áreas de treinamento utilizadas na classificação foram relacionadas com as fitofisionomias propostas por Ribeiro & Walter (1998). Os resultados alcançados mostraram a cobertura de solo da região constituída por 29,25% de vegetação nativa em 1985 e 25,14% em 2011, apresentando uma redução de 4,11%.


Palavras-chave


Dinâmica de paisagem; Classificação supervisionada; Fitofisionomias; Chaves de classificação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11137/2017_3_254_265

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank