Imagens Sentinel-2 Aplicadas na Caracterização Geomorfológica de Ambientes Costeiros: Estudo de Caso na Planície Costeira de Icapuí, Nordeste do Brasil

Cláudio Ângelo da Silva Neto, Allison de Oliveira Maia, Mateus de Paula Miranda, Cynthia Romariz Duarte, Michael Vandesteen Silva Souto

Resumo


As regiões costeiras, de uma forma geral, são ambientes dinâmicos formados a partir da atuação conjunta de processos eólicos, terrestres, oceânicos e atmosféricos. O sensoriamento remoto, somado com o processamento digital de imagens e os sistemas de informações geográficas, tem sido sistematicamente utilizado em estudos relacionados ao ambiente costeiro. Porém, o uso dessas geotecnologias encontra dificuldades em individualizar compartimentos geomorfológicos do litoral devido à homogeneidade composicional entre as feições presentes. Neste contexto, a planície costeira do município de Icapuí, localizado no estado do Ceará na porção setentrional da região Nordeste brasileira, foi analisada utilizando imagens orbitais do sensor MSI / Sentinel-2. Composições HRGB e MNDWI foram submetidas a uma combinação de técnicas como realce por descorrelação e filtragens, que juntas permitiram gerar composições denominadas HRGBI e que diferenciaram as feições geomorfológicas presentes na área. A partir destes resultados, foi possível gerar um mapa temático que exibiu os diversos compartimentos geomorfológicos interpretados na área em estudo. Foi possível demonstrar a capacidade do sensor MSI e das técnicas apresentadas em caracterizar feições de ambientes costeiros recentes, permitindo levantar hipóteses acerca dos processos envolvidos na sua formação e da sua evolução sedimentar ao longo do tempo geológico mais recente.


Palavras-chave


Processamento digital de imagens; Composições híbridas; Transformação IHS.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11137/2019_4_118_138

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country Rank