COMPORTAMENTO DOS ELEMENTOS TERRAS RARAS PESADAS EM ZIRCÃO, XENOTIMA E TORITA DE GRANITOS E GREISENS DA SUBPROVÍNCIA ESTANÍFERA PARANÃ, GOIÁS

LUCIANA MIYAHARA TEIXEIRA, NILSON FRANCISQUINI BOTELHO

Resumo


A Subprovíncia Estanífera Paranã é constituída por dois grupos de granitos: um mais antigo (gl) de tendência alcalina, e outro mais jovem (g2) de caráter metaluminoso a peraluminoso. Ambos apresentam teores anómalos de ETR, em concentrações que ultrapassam IO3 vezes as observadas em condritos. Nos maciços estudados os principais concentradores de ETRP são zircão, xenotima e tonta. Os cristais de zircão das suites g l e g2 mostram aumento progressivo em U, Th, Y e ETR durante a evolução magmática. Foram observados diferentes trends de enriquecimento em Y e ETR em zircão de ambas as suites, com os dos granitos gl apresentando menor razão ETR/Y. O zircão dos granitos g l e g2 foi reequilibrado durante a greisenização com o seu enriquecimento em ETR. O grau de metamictização é maior no zircão das fácies mais evoluídas e de rochas greisenizadas de ambas as suites. A xenotima é claramente hidrotermal e encontrada apenas nos greisens desenvolvidos sobre os granitos g l. Dados de microssonda eletrônica mostraram a existência de dois grupos de xenotima que diferem nos conteúdos de ETRP, 8 a 13% e 16 a 18%. A tonta é mineral acessório em granitos (grupo I) e greisens (grupo II). A tonta do grupo I é mais pobre em Y2O3 (l a 5%) e ETR2O3 (2 a 6%) em relação à torita do grupo H. Provavelmente a tonta do grupo II foi reequilibrada hidrotermalmente, com seu ennquecimento em Y (4 a 7% Y2O3) e ETR (7 a 13% ETR2O3).Não foi constatada a solução sólida entre zircão e xenotima nas amostras analisadas, de modo que a entrada de cations trivalentes no zircão se faz pela substituição : (ETR, Y)3+ (SiO3OH)3- ⇔ Zr4+(SiO4)4- As soluções sólidas zircão - torita e zircão - uraninita ocorrem em zircão com elevados conteúdos em U e Th. As soluções sólidas xenotima - zircão e xenotima - torita não foram constatadas na xenotima estudada, onde a única substituição observada é Y3+ ⇔ ETR3+. Os altos conteúdos em Zr, U, P, Y e ETRP da torita indicam a presença das soluções sólidas torita - zircão, torita - uraninita e torita - xenotima.

Palavras-chave


Elementos terras raras oesadas; Zircão; Xenotima; Torita; Eranito; Ereisen.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.