EVOLUÇÃO TECTÔNICA DO CINTURÃO DOM FELICIANO NO ESCUDO SUL-RIO-GRANDENSE: PARTE II - UMA CONTRIBUIÇÃO A PARTIR DAS ASSINATURAS GEOFÍSICAS

LUÍS ALBERTO DÁVILA FERNANDES, RUALDO MENEGAT, ANTÓNIO FLÁVIO UBERTI COSTA, EDINEI KOESTER, CARLA CRISTINE PORCHER, ANDREIA TOMMASI, GUSTAVO KRAEMER, GILBERTO EMÍLIO RAMGRAB, EDUARDO CAMOZZATO

Resumo


O reconhecimento de três blocos geofísicos no Escudo Sul-rio-grandense, a partir de técnicas gravimétricas e aeromagnetométricas, permitiu uma reavaliação e teste dos modelos de compartimentação geotectônica propostos a partir do registro geológico para as rochas pré-Cambrianas. Os blocos geofísicos ocidental, central e oriental são separados por importantes descontinuidades gravimétricas e aeromagnetométricas e correspondem às associações de rochas com características petrogenéticas compatíveis e típicas de determinados ambientes geotectônicos. O bloco ocidental constitui-se de duas associações de rochas plutônicas cálcio-alcalinas neoproterozóicas de margem continental ativa, estabelecidas sobre crosta eoproterozóica retrabalhada. Este é delimitado do bloco central pela Sutura de Porto Alegre, uma anomalia gravimétrica e magnetométrica. O bloco central é subdividido em duas porções pela Sutura de Caçapava, uma anomalia aeromagnética. A porção central-leste corresponde a rochas do embasamento eoproterozóico tectonicamente retrabalhado e a central-oeste é formada principalmente por crosta juvenil neoproterozóica. Essa é separada do bloco geofísico oeste pela Sutura de São Gabriel, que delimita o Cráton Rio de La Plata, à oeste, do Cinturão Dom Feliciano, ao qual pertencem os blocos central e leste. Os dados geofísicos permitiram, ainda, não só a definição mais precisa da natureza e limites de algumas das associações petrotectônicas reconhecidas, mas também tornaram possível o teste e a discussão dos modelos de compartimentação tectônica, propostos até o momento para o Escudo Sul-rio-grandense, sob o ponto de vista metodológico e epistemológico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.