VULCANISMO BASÁLTICO DE AFINIDADE SHOSHONÍTICA EM AMBIENTE DE ARCO ARQUEANO, GRUPO GRÃO-PARÁ, SERRA DOS CARAJÁS - PARÁ

MARCELO R. MEIRELLES, MARCEL A. DARDENNE

Resumo


Os corpos N4 e N8, pertencentes ao Distrito Ferrífero de Carajás, são constituídos por uma associação vulcanossedimentar arqueana do Grupo Grão-Pará. O pacote vulcânico, apresentando níveis intrusivos, é composto essencialmente por basaltos e andesitos basálticos, com contribuições locais de rochas piroclásticas de natureza básica e intermediária. Tais rochas foram formadas em ambiente subaquoso e submetidas a metamorfismo hidrotermal de fácies xisto-verde. A ausência de estruturas penetrativas e a preservação de inúmeras feições primárias, são aspectos marcantes da associação vulcanossedimentar dos corpos N4 e N8. Geoquimicamente, as rochas metabásicas são caracterizadas por altos teores de K, Ba e Rb, associados a baixos teores de Zr, Nb e Ti, o que permite incluí-las na série shoshonítica. Do ponto de vista geotectônico, as rochas básicas do Grupo Grão-Papá sugerem um ambiente de arco magmático para sua origem.

Palavras-chave


Vulcanismo basáltico; Serra dos Carajás.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.