CONDIÇÕES DE METAMORFISMO NO COMPLEXO GRANULÍTICO SANTA MARIA CHICO, RS

LEO A. HARTMANN

Resumo


As litologias de fácies granulito ocorrentes no oeste do Rio Grande do Sul são bimodais básicas e ácidas em composição, com volumes menores de rochas intermediárias e ultrabásicas; remanescentes supracrustais incluem quartzitos, mármores e sillimanita gnaisses. O primeiro evento de fácies granulito está registrado somente por megacristais de piroxênio, plagioclásio e outros minerais, sempre com fortes feições de exsolução.Um terceiro episódio metamórfico foi causado pela intrusão de abundantes granitos, gerando actinolita, hornblenda, clorita e talco a partir dos minerais máfícos. Análises por microssonda eletrônica mostram que os anfibólios são pargasitas no evento M2 de alto grau, e que os plagioclásios são andesina, labradorita, bytownita e anorlita. Este evento foi datado em 2,l Ga por Sm/Nd em minerais separados, ao passo que a intrusão dos granitos ocorreu há 550 Ma. A temperatura e a pressão do evento M2 foram estimadas utilizando-se vários termômetros e barômetros. A temperatura é estimada em 800 - 850°C e a pressão em 9,4 kbar.

Palavras-chave


Granulito; Geotermobarometria; Química mineral.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.