Caracterização geológica – geofísica da porção central do Amapá com base em processamento e interpretação de dados aerogeofísicos

Lucíola Alves Magalhães, Carlos Roberto de Souza Filho, Adalene Moreira Silva

Resumo


Este artigo aborda o processamento e a interpretação de dados aerogeofísicos (magnetometria e gamaespectrometria) de alta resolução espacial e densidade de amostragem (Projeto Rio Araguari-CPRM), visando à geração de produtos para o mapeamento geológico e exploração mineral da porção centro-sul do estado do Amapá. Essa região se reveste de especial importância visto que se trata de uma das últimas fronteiras exploratórias do país, onde são reconhecidos terrenos do embasamento Arqueano, seqüências do tipo greenstone-belts (Província Vila Nova) e suítes intrusivas, coletivamente de evolução geológica complexa e com amplo potencial metalogenético.  Com base no processamento dos dados aerogeofísicos, foram gerados mapas de domínios e lineamentos magnéticos e domínios gamaespectrométricos, a partir dos quais novas unidades litogeofísicas foram reconhecidas, assim como redefinida, com grande precisão, a extensão de unidades previamente mapeadas (e.g., corpos enderbíticos, complexos máficos ultramáficos e intrusivas graníticas).  As estruturas magnéticas são multi-orientadas. O extenso lineamento denominado Cupixi Alto Jarí aparece com destaque nos mapas aerogeofísicos, separando o Terreno Cinturão Jari e o Terreno Antigo Cupixi- Tartarugal Grande.  As estruturas de direção NNW são predominantes e se associam, com maior freqüência, às mineralizações auríferas da região.

Palavras-chave


Aerogeofísica; Greenstone belts; Mapeamento geológico; Mineralizações auríferas; Amapá.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.