AVALIAÇÃO DA TAXA DE INFILTRAÇÃO E ESCOAMENTO SUPERFICIAL FRENTE A DIFERENTES CENÁRIOS DE CHUVAS EM ÁREA DE OCORRÊNCIA DOS ARENITOS DA FORMAÇÃO BOTUCATU

LÁZARO VALENTIN ZUQUETTE, JANAINA BARRIOS PALMA

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados da avaliação integrada da infiltração e do escoamento superficial e da aplicação do modelo de Green & Ampt (1911) considerando as modificações de Chu (1978) para chuvas transientes, visando conhecer a dinâmica da água em áreas constituídas por arenitos e materiais inconsolidados da Formação Botucatu. O estudo foi desenvolvido na Bacia do Córrego Vaçununga na cidade Luis Antônio (SP) por esta ter o substrato rochoso constituído em 90% por arenitos da Formação Botucatu com o objetivo de avaliar o comportamento de recarga e consequentemente o transporte de poluentes. Foram realizados ensaios "in situ" e em laboratório para caracterizar os materiais inconsolidados quanta aos índices físicos, capacidade de infiltração, sucção matricial e condutividade hidráulica. Os dados pluviométricos foram coletados desde janeiro de 2000 a dezembro de 2002, e foram definidos 12 cenários representativos de todos os tipos de precipitações ocorridas no período considerando a relação entre intensidade e duração efetiva. Observou-se que embora os materiais geológicos da bacia apresentem homogeneidade textural o comportamento hidrodinâmico sofre significativa influencia do tipo de uso instalado e seu estágio em termos de manejo.

 


Palavras-chave


Infiltração; Escoamento superficial; Aqüífero; Formação Botucatu; São Paulo, Brasil.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.