REINTERPRETAÇÃO DO COMPLEXO INTRUSIVO LAVRAS DO SUL, RS, DE ACORDO COM OS SISTEMAS VULCANO-PLUTÔNICOS DE SUBSIDÊNCIA. PARTE 1: GEOLOGIA, GEOFÍSICA E GEOCRONOLOGIA (207PB/206PB/238U)

MARIA DO CARMO GASTAL, JEAN MICHEL LAFON, FRANCISCO JOSÉ FONSECA FERREIRA, FRANCISCO UMBERTO SIMÕES MAGRO, MARCUS VINICIUS DORNELES REMUS, CARLOS AUGUSTO SOMMER

Resumo


O Complexo Intrusivo Lavras do Sul (CILS) e vulcânicas cronocorrelatas foram formados no final do Neoproterozóico no Escudo Sul-Riograndense, e hospedam ocorrências importantes de Au-Cu. As relações de campo, e os dados gravimétricos e magnetométricos são consistentes com o fato do CILS representar intrusões agregadas de um sistema vulcano-plutônico de subsidência que evoluiu de norte para sul. Assim, o complexo intrusivo foi dividido em dois setores: monzonito Tapera (MT) no norte, e o corpo granítico no sul. O último e circundado, ao longo da borda norte-nordeste, pelo monzodiorito Arroio do Jacques (MAJ).O MT é uma intrusão posicionada durante a formação e estabilização da câmara magmática que alimentou o vulcanismo correlato. Granitos com afinidades distintas formam corpo concêntrico que provavelmente representa um pluton ressurgente posicionado após o colapso de uma caldeira. Granitos álcali-cálcicos estão no núcleo, posicionados acima das principais raízes alimentadoras, e os termos alcalinos ocorrem em corpos semicirculares e periféricos. As idades 207Pb/206Pb e 206Pb/238U das diferentes unidades do CISL são comparáveis, e indicam que se trata de corpo multicíclico formado em um período de ca. 23 Ma (606-583 Ma). Contudo, as idades de cristalização da maioria das unidades (MT, MAJ e granitos do núcleo) são similares, ca. 601 a 599 Ma, o que sugere que este foi o principal período de atividade ígnea. Para os granitos alcalinos foram obtidas idades distintas, 207Pb/206Pb de 598 ± 3 Ma (2σ) e 206Pb/238U de 586,0± 2,8 Ma (2σ). Tal divergência pode ser compatibilizada, se a colocação destes granitos ocorreu em incrementos. A idade 207Pb/206Pb de 567 ± 4 Ma (2σ) do Granito Jaguari, que ocorre a oeste do CILS, confirma que representa um evento ígneo mais jovem.


Palavras-chave


Sistema vulcano-plutônico de subsidênsia; Datação por evaporação de Pb; Geocronologia; Gravimetria; Magnetometria; Complexo intrusivo Lavras do Sul.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.