CARACTERIZAÇÃO PALINOFLORÍSTICA E PALEOAMBIENTAL DA FORMAÇÃO SANTANA (CRETÁCEO INFERIOR), POÇO 4-BO-1-PE, BACIA DO ARARIPE, NORDESTE DO BRASIL

HELENA ANTUNES PORTELA, LUZIA ANTONIOLI, RODOLFO DINO, MARIA JUDITE GARCIA

Resumo


A caracterização do paleoambiente da Formação Santana, bacia do Araripe, de idade Neoaptiana a Eoalbiana, foi realizada através de análise de associações palinofl orísticas recuperadas em testemunhos do poço 4-BO-1-PE. Evidências palinológicas e litológicas indicam um paleoambiente dominantemente continental, composto por um sistema fl uvio deltaico lacustre, sob clima quente árido a semiárido. A detecção da presença de um único exemplar de dinofl agelado corrobora a tese do início das pequenas ingressões marinhas que ocorreram durante o Aptiano-Albiano, a exemplo do verifi cado em outras bacias cretáceas brasileiras de mesma idade. A composição palinofl orística identifi cada enquadra-se àquelas observadas nas bacias do nordeste brasileiro e insere-se nas características das associações pertencentes à província microfl orística do Gondwana-Norte.

 


Palavras-chave


Bacia do Araripe; Cretáceo Inferior; Paleoambiente; Paleopalinologia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.4072/rbp.2014.3.07

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


SCImago Journal & Country RankSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar