Idades potássio-argônio do precambriano da região centro-norte do Brasil

Yociteru Hasui, Wildor Theodoro Hennies, Woldemar Iwanuch

Resumo


Apresentamos aqui os resultados de 15 novas análises K - Ar de rochas precambrianas do centro - norte do país. O Craton do Guaporé apresenta idades condizentes com o Ciclo Transamazônico e os resultados disponíveis permitem estender a influência desse ciclo por toda a borda oriental do craton. Para o Complexo Basal Goiano foi obtido um resultado atribuível ao Ciclo Transamazônico, um conjunto explicável por rejuvenescimento isot6pico no Ciclo Brasiliano e um resultado intermediário. Apesar da similaridade de litologia e de orientação das estruturas, os autores consideram que o chamado Grupo Araxá do norte de Goiás não pode ser correlacionado com o Grupo Araxá, defmido no oeste mineiro e estendido até a região de Peixe (GO), pois as vergências são opostas, o grau de metamorfismo do primeiro decresce gradualmente para oeste passando para aquele do Grupo Tocantins, e existe uma faixa de Complexo e Basal Goiano separando as duas unidades Araxá. Assim, propõem o nome Grupo Estrondo para aquele Grupo Araxá do norte de Goiás. O Grupo Estrondo faz parte, da Faixa, de Dobramentos Paraguai - Araguaia, correspondendo à sua zona mais interna. As idades potássio - argônio em gnaisses e xistos dessa unidade variam de 426 a 581 m.a.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.